, ,

Como um software de gestão pode ajudar sua transportadora

Transportadoras que gerenciam suas atividades com as ferramentas adequadas se beneficiam de processos estruturados e otimizados. O resultado é a melhoria da organização como um todo, da ponta logística até o controle dos documentos envolvidos no frete. Em contrapartida, o cliente também vê vantagens, seja no relacionamento ou mesmo na prestação de um serviço de qualidade.

Mesmo assim, esse cenário só é possível quando todas as operações são devidamente controladas e apresentam um alto grau de eficácia. Agora, o controle em si, é um desafio à parte. A quantidade de dados que a gestão do frete demanda é altíssima e é necessário contar com soluções práticas que contribuam para a execução dos planos de ação.

No artigo de hoje, vamos falar um pouco sobre como um sistema pode contribuir para a gestão da sua transportadora e aprimorar o método de trabalho.

De que se trata

Um software de gerenciamento de transportes é um sistema criado para organizações que desenvolvem atividades de distribuição de produtos. Essas empresas necessitam de alternativas que contribuam para o gerenciamento eficiente do processo de entregas e de controle de todos os documentos envolvidos na prestação de contas.

Além de ser funcional, um TMS (Transportation Management System) precisa contemplar todas as necessidades de controle relacionadas ao frete de mercadorias.

O objetivo é que o software possa automatizar processos manuais, que tenha a capacidade de emitir e conferir documentos, por exemplo. Melhor ainda quando a empresa pode integrar soluções e fazer que seu ERP conte com aliado na hora de tornar o gerenciamento ainda mais eficiente.

Os sistemas de inteligência em fretes podem ser implementados seja por empresas com frota própria ou por organizações que terceirizam a parte logística, independentemente do porte das mesmas. Um sistema dedicado é uma excelente alternativa para facilitar a rotina de sua empresa.

Simulações

Com um sistema de gestão, é possível prever os gastos envolvidos no transporte através da simulação do cálculo do frete relativo a cada entrega. Os benefícios diretos são óbvios: quando comparamos custos, torna-se possível avaliar qual é a melhor operadora para as suas necessidades. Além disso, a simulação ajuda no planejamento das etapas e, consequentemente, no processo de tomada de decisões.

Com a simulação do frete, outros benefícios diretos são o aumento da confiança e da segurança dos responsáveis por controlar os processos. Isso acontece porque todos os dados envolvidos podem alimentar no sistema e, assim, é possível ter uma visão global e mais clara para então decidir qual é a melhor alternativa de contratação.

Cálculo

Quem trabalha com frete há muito tempo sabe que cada empresa usa um modelo de precificação distinto. A base de cálculo pode ser feita por valor de NF (nota fiscal), peso, quilômetro rodado ou até mesmo grau de urgência do transporte das mercadorias.

Quando o cálculo é feito por cubagem, a variação pode ser maior ainda, nem todas as empresas contam com o cubómetro, um equipamento bastante caro, e o valor passa a ser apenas estimado.

Se pararmos pra pensar em todas as variações possíveis na hora de fazer uma cotação, seja de forma automática ou manual, vamos perceber que se perde tempo, produtividade e agilidade.

Um software pode contribuir ao permitir a comparação entre cada tabela de frete usada pelas transportadoras parceiras.