(11) 2548-4603
Como identificar o melhor método ágil para sua equipe

Como identificar o melhor método ágil para sua equipe

Durante a década de 1990 foram criados os primeiros métodos ágeis no desenvolvimento de softwares (do inglês Agile Software Development). Hoje essas técnicas são amplamente utilizadas para diversas finalidades e cada uma apresenta características e objetivos específicos.

Seja para melhorar um produto que já está no mercado ou desenvolver algum projeto do zero, conhecer as opções é fundamental para definir qual o melhor método ágil para a gestão de projetos em TI para a sua realidade específica. Continue lendo e entenda melhor essa questão!

O que são métodos ágeis de gestão de projetos?

Os métodos ágeis em gestão de projetos defendem um modelo de planejamento adaptativo, onde as entregas são realizadas em ciclos. Isso permite que os responsáveis avaliem cada resultado pontualmente, estimulando respostas rápidas e flexíveis à potenciais problemas e mudanças.

Ao contrário da metodologia tradicional, os métodos ágeis focam em responder à mudanças acima de respeitar a documentação. Para escolher o método ideal para sua realidade é preciso considerar alguns fatores importantes, que você confere logo abaixo:

1. Objetivo final do projeto

Cada metodologia possui características específicas, capazes de atender às mais diversas especificidades de gestão. Por isso é fundamental que os responsáveis documentem os objetivos antes mesmo de iniciar os trabalhos, a fim de eleger a melhor metodologia para cada projeto.

Por exemplo, enquanto o Scrum foca no gerenciamento de cada etapa com foco em um produto final, o ITIL (Information Technology Infrastructure Library) organiza as tarefas e prioridades partindo de uma ótica onde a tecnologia é utilizada como serviço (SaaS).

2. Considere a sua equipe

Metodologias como a XP (Extreme Programming) são excelentes para pequenas equipes de desenvolvedores e projetos onde o produto exige desenvolvimento, evolução e testes constantes para verificação das funcionalidades. Ela não requer muita documentação, mas exige disciplina e conhecimento por parte da equipe.

Já o Scrum permite um alinhamento simplificado entre diferentes times. É possível definir sprints que envolvam, por exemplo, desenvolvedores responsáveis por uma área determinada do software e produtores de conteúdo, permitindo um acompanhamento detalhado por parte do gestor de projetos e fomentando o cumprimento de tarefas paralelas.

3. Status atual do projeto

Outro ponto fundamental, principalmente para projetos que já tenham sido iniciados por terceiros, é alinhar o status atual do software ou produto. Enquanto o Scrum permite o alinhamento entre equipes e a evolução de softwares mesmo durante seu desenvolvimento, o XP oferece mais agilidade na conclusão de tarefas.

Por isso é preciso alinhar bem questões como a disponibilidade de profissionais, o prazo para cada etapa do projeto e os potenciais problemas esperados. Claro que, ao longo da execução, certamente novos desafios surgirão, por isso todas as opções de métodos ágeis em gestão de projetos incentivam a flexibilidade.

Quer entender mais sobre métodos de gestão de projetos, novidades da área de tecnologia e outros assuntos relevantes para a sua realidade? Então assine agora nossa newsletter e receba todas as novidades direto em sua caixa de entrada!