5 Tendências de Aplicativo Mobile para 2017

Não é nenhuma novidade que os celulares se tornaram imprescindíveis para a comunicação, marketing, a indústria em geral e para o consumo de produtos e serviços. E quando pensamos em aplicativos para celulares, a importância é equivalente. Aliás, de acordo com um estudo da Clutch:

“67% dos pequenos negócios planeja ter um aplicativo próprio até o final de 2017”

As previsões indicam que, em alguns anos, todas as páginas web serão compatíveis com celulares e tablets. De fato, atualmente, sites que não são responsives são penalizados pelo Google. O maior motivo disso é a importância da presença do desenvolvimento web e de aplicativos móveis atualmente. Imagine só daqui a alguns anos.

Mas, deixemos os próximos anos mais pra frente. Hoje, vamos dar uma olhada no que é tendência ainda neste 2017 quando o assunto é app mobile:

#01 Fitness e Saúde Pessoal

O interesse por uma vida mais saudável tem incentivado a criação de aplicativos para a saúde e bem-estar dos usuários. Inclusive, alguns como o Strava têm um mix de soft de seguimento de atividades físicas e rede social. Especialmente esta segunda parte, do relacionamento, acaba incentivando a prática e acompanhamento dos outros usuários.

* Espera-se que, ainda em 2017 (e só na Europa) mais de 42 milhões de pessoas tenham apps deste tipo instalados em seus celulares.

#02 Internet das Coisas

Esse campo em franca expansão tem impulsionado os aplicativos que se conectam a outros aparelhos e sensores que funcionam via internet. Relógios, eletrodomésticos, máquinas e a lista segue. Inclusive a indústria da segurança tem sido beneficiada com câmeras que se conectam aos celulares e admitem configurações específicas como só transmitir quando identifique movimento ou até mesmo se uma pessoa específica entra no campo de visão.

#03 Vida Simples

O desenvolvimento de aplicativos também tem sua vertente que busca simplificar a rotina e as necessidades dos usuários. Por um lado, a internet está repleta de informações e filtrar estes dados, assim como visualizá-los de forma mais simples é um desafio. Por outro, aplicativos para organização pessoal têm muita demanda. Um exemplo é o Mobills, de gestão financeira, que tem como slogan “mais conquistas, menos preocupação”.

#04 Produtos e Serviços

Como citamos, os pequenos negócios têm previsto investir forte em aplicativos proprietários. Especialmente para pequeno e médio portes, os aplicativos proporcionam informação facilitada e acesso direto ao setor. No varejo e em outros setores, como o de alimentação, surgem novas alternativas permanentemente. Por exemplo, os serviços B2C (business to consumer, ou negócio para consumidor) têm ganho espaço, basta analisar o fenômeno iFood.

#05 Segurança da Informação

No que tem a ver com desenvolvimento de aplicativos, a tendência é dar mais solidez às questões de segurança e proteção dos dados dos usuários. De fato, se todos os aplicativos existentes fossem submetidos a testes, é bem provável que o nível de falhas seria surpreendente. Mais que uma tendência de tipos de aplicativos em si, este é um esforço que merece atenção dos desenvolvedores.

A Logical Minds considera estas e outras tendências no desenvolvimento de suas iniciativas. Seja na fábrica de softwares, de testes ou nos serviços de outsourcing de TI, nosso objetivo é estar alinhado com toda e qualquer novidade que contribua para um serviço de acordo com as necessidades particulares de cada cliente. Até o próximo artigo!